POETA DO MÊS

 António Aleixo


António Aleixo é recordado por ter sido simples, humilde e semianalfabeto, e ainda assim ter deixado como legado uma obra poética singular no panorama literário português da primeira metade do século XX.

No emaranhado de uma vida recheada de pobreza, mudanças de emprego, imigração, tragédias familiares e doenças, na sua figura de homem humilde e simples, havia o perfil de uma personalidade rica, vincada e conhecedora das diversas realidades da cultura e sociedade do seu tempo. Do seu percurso de vida fazem parte profissões como tecelão, guarda de polícia, servente de pedreiro, trabalho este, que emigrado, também exerceu em França.

De regresso ao seu país natal, restabeleceu-se novamente em Loulé, onde passou a vender cautelas e a cantar as suas produções pelas feiras portuguesas, atividades que se juntaram às suas muitas profissões e que lhe renderia a alcunha de "poeta-cauteleiro". Faleceu por conta de uma tuberculose, em 16 de novembro de 1949.

http://antonioaleixo.blogtok.com/menu/1/10360/biografia/

Na tua Biblioteca terás ocasião, durante o mês de outubro, de ler/ouvir algumas quadras da obra deste grande poeta!



Sem comentários:

Publicar um comentário

Clube de Leitura (CLE) no Centro Escolar da Gandra(CEG)

 E aqui ficam os trabalhos elaborados pelos alunos de diferentes turmas a propósito do conto de Eoin McLaughling "Saudades do teu abraç...